As crendices das ervas

VISITE-NOS

Quer ser visto por milhares de pessoas todos os dias?

13
Jun

Artigos

As crendices das ervas

As ervas sempre foram utilizadas para resolver vários males, uns de ordem física e outros psicológicos. Acredita-se que as ervas estão associadas ao oculto, onde através das benzedeiras se conseguia ultrapassar muitos problemas. 

Enumeramos algumas crenças: 

"Alívio dos bruxedos" - Coloque dois ramos de fiolho ou funcho debaixo do travesseiro, ou nos pés da cama, mas em forma de cruz, trazendo alho no bolso e comê-lo.

"Mau olhado e inveja" - Para combater o mau olhado e a inveja nas pessoas, faça fumaças de palhas alhos, arruda e erva da inveja ou congossa, levando as cinzas num farrapo a uma encruzilhada à meia-noite, quando trovejar; se não resultar, ir ao cemitério, trazer um torrão onde se tenha assentado o pé direito e colocar terra em cima de um ramo de sabugueiro, com água de nove fontes, de nove ribeiros e erva de nove terrenos.

 

 

"Um ar mau" -  Doença que, segundo o povo, se revela por dores fortes de cabeça, arrepios e mesmo febre.

Cura: usar fumos de sementes de nabiça, três areias de sal, três folhas de oliveiras bentas no Domingo de Ramos, três raminhos de alecrim, também bentos, três gotas de azeite e três brasas vivas; a pessoa com este mal deve apanhar o fumo que dali sair passando por ele em cruz.

 

"Para evitar pesadelos" - Colocar um ou dois pés de alecrim debaixo da almofada que introduzirão ao sono e evitarão pesadelos.

"Para afastar desordens ou tempestades na família" - Colocar três raminhos de alecrim, em cruz, debaixo da cinza na lareira da casa, sem que as pessoas iradas se apercebam e logo se acomodarão.

"Remédio para a dor de cabeça" -  Alecrim, rosmaninho, arruda, politária, aipo, mentrastos e segurelha; - tudo muito bem pisado e colocado na "cova do ladrão", ao deitar da cama - e diz-se:
Com Deus me deito,
aqui neste leito.
Deito-me doente
e levanto-me escorreito,
em louvor de Sta Maria,
Paz téco aleleuia.
Amén

 

Fonte: http://www.folclore-online.com/medicina/crendices_ervas/crendice_ervas.html#.VXwIr_lVgaA

share div

gosto